fbpx

Blog

10 motivos para fazer um planejamento de viagem com antecedência

Viajar é uma das melhores coisas da vida e cada vez mais pessoas tem descoberto este prazer. É só ver o movimento dos aeroportos, rodoviárias e estradas do Brasil aos finais de semana e feriados para comprovar como o brasileiro tem aderido cada vez mais a este hábito tão saudável e enriquecedor. Fala-se que viajar é a única coisa na qual você gasta dinheiro e fica mais rico – é realmente impressionante o que podemos aprender e vivenciar quando viajamos.

Os viajantes se dividem basicamente em dois grupos: os que deixam tudo para o último momento e os que planejam com antecedência. Nós brasileiros somos conhecidos pela improvisação, mas no caso das viagens, isso é uma grande desvantagem.

dicas-de-viagem

Hoje há uma infinidade de sites e blogs com dicas preciosas de viagem. Basta você pesquisar o nome da cidade que pretende visitar e encontrará muitas fontes de pesquisa legais para um planejamento de viagem mais interessante. Antes de tudo, você precisa escolher para onde quer viajar – este é o primeiro passo!

Tratando-se de viagens, o planejamento, mesmo que básico, é essencial. Veja aqui algumas razões:

1. As passagens aéreas são mais baratas quando reservadas com bastante antecedência. Se você tiver flexibilidade de datas, ainda melhor. As companhias aéreas fazem promoções variadas e se você souber quando vai tirar férias e ficar de olho, conseguirá ótimas tarifas. E daí sobra mais dinheiro para gastar na viagem, não é?

planejamento-de-viagem

2. Você pode economizar na hospedagem. Muitas redes hoteleiras trabalham hoje com “tarifas flutuantes”, ou seja, o preço muda conforme a ocupação do hotel. Eles adotaram o mesmo princípio das companhias aéreas, ou seja, dividem o hotel em tarifas diferentes. Quem reserva primeiro, tem acesso aos melhores preços e quem deixa por último normalmente paga mais caro. Pousadas e hotéis menores também dão facilidades para quem reserva antes. Imagine que você vai viajar em janeiro (alta temporada!) e começa a pesquisar hotéis em julho. Talvez o hotel lhe confirme o apartamento pelo preço do ano anterior se você pagar antes. Assim você evita o aumento que sempre acontece nos períodos de mais movimento. Além disso, reservar antes garante que você ter uma acomodação quando chegar. Não menospreze isso, pois em períodos de congressos e eventos, os hotéis lotam com facilidade. Já para quem não depende de férias escolares, por exemplo, e pode optar por viajar na baixa temporada, com um bom planejamento de viagem, consegue economizar ainda mais sem deixar de aproveitar bem o destino escolhido.

3. Seguindo os dois primeiros pontos, você já terá economizado um bom dinheiro. Mas e no destino? Deixo para reservar passeios lá mesmo? Aqui a regra básica é se informar e decidir o que fazer antes. Há passeios que lotam facilmente e quando você chegar lá, já não haverá disponibilidade. Ou reservando antes você não precisará esperar na fila, pois terá definido o horário. Se você quiser ser somente mais um “número” em um passeio qualquer, maravilha, deixe para ver na hora e talvez se arrepender depois. Mas se você quer atendimento personalizado, um guia só para seu grupo e a tranquilidade que merece nas férias, escolha bem e reserve antes. Pesquise sobre a empresa de receptivo, leia comentários de outros clientes e decida a quem vai confiar suas férias.

economizar-para-viajar

4. Determinados passeios só acontecem em datas específicas e algumas atrações fecham alguns dias da semana. Isso acontece no mundo inteiro! Seria chato deixar de fazer algo legal por não saber antes quando funciona. Muitas pessoas não se informam e deixam para ver tudo no local e perdem de conhecer coisas imperdíveis. Aqui em Curitiba, por exemplo, há uma tradicional feira de artesanato, a Feira do Largo da Ordem, que acontece somente aos domingos das 9 às 13h. Muitos clientes não se planejam e acabam perdendo a oportunidade de visitá-la. A mesma coisa com museus e parques. Alguns dias da semana eles fecham para manutenção e limpeza e não é possível a visitação.

5. Fique seguro durante a viagem e fuja do stress. Como trabalho no turismo há muito tempo, já vi muitas situações acontecerem. Algumas pessoas, mesmo não conhecendo os lugares, se arriscam sozinhas e acabam entrando em situações complicadas, como circular em ruas perigosas à noite ou ficar em hotéis “de alta rotatividade” por não ter se informado antes. Isso acaba culminando em brigas com o parceiro porque as coisas não estão saindo como tinham imaginado. Pesquisando antes, isso não acontece.

6. Planejar antes é a melhor maneira de combater a preguicinha que aparece quando viajamos. Se você planejar e souber o que quer visitar a cada dia, não ficará se enrolando no hotel, deixando de visitar algo legal. É muito bacana também deixar um tempo para não fazer nada, “vagar sem rumo ” em um bairro charmoso, mas planeje isso também. Assim você não desanimará e saberá o que visitar. Nada pior do que voltar para casa e ouvir daquele parente sabichão: “O quê? Você foi para tal lugar e não viu isso? Não sabe o que perdeu!”.

planejamento-de-viagem-2

7. Você gosta de comer e beber bem? Informe-se sobre restaurantes e bares antes. Há sites especializados, como o TripAdvisor, que vão ajudar a escolher lugares de acordo com o seu perfil. Há também viajantes que gostam de comprar cupons de sites como Peixe Urbano e Groupon nas cidades onde vão viajar. Mas aqui recomendo atenção redobrada para as condições de uso dos cupons para não se decepcionar.

8. Não perca tempo no destino. Quando você chega a um lugar, seu tempo lá será precioso. Planeje antes e aproveite ao máximo. Se você deixar para resolver o que fazer lá mesmo, além de todos os pontos que colocamos anteriormente, perderá tempo precioso se informando. Aproveite o tempo que está lá para conhecer e aproveitar ao máximo sua viagem!

9. Compare tudo com calma. Quando você planeja uma viagem antes, tem tempo de comparar, ler e se informar. Há muitas ferramentas disponíveis como o google maps – você poderá até ver como é a fachada dos lugares e a vizinhança onde se hospedará. É importante ler avaliações de quem já esteve lá e também sobre os hotéis e empresas que vai contratar. Comparar as opções ajuda e muito o seu planejamento de viagem.

10. Algumas pessoas usam o clima como desculpa para não planejar antes. “Quando chegar lá vejo e visitamos se não estiver chovendo”. Mas e se chover ou fizer frio? Vai deixar de sair e voltar para casa sem ter visto nada? Há um ditado alemão que diz que não existe tempo ruim, só roupas inadequadas. Quando for fazer as malas, olhe a previsão, e se precisar, prepare-se com guarda-chuva ou o que for necessário para aproveitar ao máximo. Você pode ainda pesquisar sobre as médias de temperatura e chuva de cada mês para a cidade que você deseja visitar. Com uma média mensal climática já dá para ter uma ideia de qual mês seria mais adequado para o tipo de viagem que você quer.

dicas-planejamento-de-viagem

Planejamento bem feito é garantia de tranquilidade e ótimos momentos na sua viagem. Você saberá o que esperar dos lugares e como aproveitar ao máximo, voltando para casa com a sensação de ter tido a melhor viagem possível!

Procurando por um destino para a sua próxima viagem? Que tal conhecer mais sobre Curitiba? Baixe nosso guia virtual com várias dicas sobre a cidade e região – é gratuito!

chamada-guia-curitiba-2017

 

Texto: Bibiana Antoniacomi, turismóloga e proprietária da Special Paraná, empresa de turismo receptivo de Curitiba.

Fotos: reprodução